Momento Clichê #2: coisas que só acontecem em filmes de terror

10 de dezembro de 2018 0 Por Bolha Criativa
Tempo de leitura: 3 minutos

Este artigo da série Momento Clichê é para quem ama filmes de terror. Alguns são bem produzidos, outros são aqueles filmes trash que dão vergonha alheia. Por mais que sejam aterrorizantes, é difícil não rir com as situações dos personagens e não falar das coisas que sempre acontecem nos filmes de terror.

A seguir listamos os clichês dos filmes. Não deixe de conferir nossos artigos sobre clichês para entender como aumentar sua criatividade com eles.

Hora da Perseguição

Não importa o quão bom o seu carro é, ele vai parar de funcionar assim que o assassino estiver perseguindo você. Se não é problema do carro, a chave será perdida ou quebrada ou alguma coisa acontece no caminho para te atrasar, geralmente um atropelamento de animal.

Nessas situações, você sairá correndo para o lugar mais seguro. Porém você ou algum amigo seu tropeça no meio do caminho e cai. Isso leva o assassino até vocês dois, que pararam para se ajudar. A possibilidade de escapar é baixa, mas as vezes é possível. É importante ressaltar que é um clichê clássico em qualquer cena de perseguição, até mesmo em filmes de aventura, só que a possibilidade de morte em filme de terror é muito mais alta, obviamente.

Sem Comunicações

Aquele seu celular de última geração comprado orgulhosamente numa promoção de black friday pode ser ótimo, mas não terá sinal ou será quebrado no exato momento que o assassino começar a te perseguir. Se for um fantasma, provavelmente terá algum defeito. O mesmo vale para computadores e telefones e a melhor maneira de conseguir comunicação é encontrando uma antena de rádio ou algo parecido – e essa é uma grande tática para o assassino te encontrar.

Claro que tudo ficará mais difícil se você não conseguir encontrar nada no escuro, então se prepare: em algum momento a energia vai faltar, seja por conta do próprio assassino (que convenhamos, conhece engenharia elétrica melhor do que alguns profissionais por aí) ou de algum evento natural, como tempestades. Mas não se preocupe: seja qual for o nível de claridade o assassino sempre consegue enxergar no escuro. E se você tiver uma lanterna, alguma hora falhará.

Onde tá você? Que barulho foi esse?

Em algum momento, seu grupo de amigos vai se separar. Mas acontece que um de seus amigos vai sumir misteriosamente. É claro que sabemos exatamente o que aconteceu: ele foi uma das vítimas do perseguidor. Uma morte que será vista alguns momentos depois, talvez até no final. É claro que os espectadores já vão ter vistos várias outras mortes de acontecer.

Sempre tem as mortes engraçadas e ridículas, por mais sangrentas que sejam. E é por essas e outras que não devemos investigar barulhos sozinhos, mas é claro que os personagens vão lá ver. As vezes não passa de uma brincadeirinha (observe que os brincalhões são os primeiros a morrer).

Michael Myers

Protagonistas não morrem

Após a chacina do filme, os protagonistas continuam vivos até o final. E não, não estou falando da menina bonitinha que conseguiu ficar viva por sorte ou com ajuda dos amigos que eventualmente acabam morrendo para salvá-la. Estou falando do astro do filme, o assassino/perseguidor. Eles são os maiores sobreviventes dos filmes de terror: rápidos, não sentem dor e sabem exatamente onde você está para te pegar. No fim, por mais que você ache que matou eles, é melhor olhar de novo. Afinal, sequências não existiriam sem eles!

 

Sei que existem vários outros clichês em filme de terror. Use os comentários abaixo e não deixe de compartilhar. Bons sonhos (se conseguir dormir depois dessa).

Compartilhe por aí!
error