Momento Clichê #5: o domingo na TV aberta

4 de fevereiro de 2019 0 Por Bolha Criativa
Tempo de leitura: 4 minutos

Hoje é segunda-feira e nada melhor do que rir neste dia que praticamente todos odeiam… é início da semana e se você tiver na corrida de ratos como eu, sabe que não é um dia tão bom… e muito menos domingo!

Para muitos domingo é mais aquele dia incrível do fim de semana… para outros, o domingo é a véspera da temida segunda-feira, se tornando um dia depressivo e triste, mesmo tendo aquela folga que só o fim de semana proporciona.

Aqueles que preferem ligar a TV e vasculhar os canais da tv aberta encontrarão os tradicionais programas de auditório… Ainda bem que a modernidade nos proporcionou novas formas de entretenimento para passar essa última folga da semana, como o YouTube, a Netflix, videogames, etc… Mas muitas pessoas preferem ficar na frente do sofá vendo esses programas…. ou provavelmente você assista quando alguma visita chegar na sua casa…

Mas obviamente você já assistiu algum desses programas e sabe muito bem o que espera. Sim, porque a criatividade deles é tão grande que entrou nesta série do Bolha Criativa. Está na hora de mais um Momento Clichê, dedicado ao nossos domingões da tevê brasileira!

Lembrando que muitos programas que passam sábado a tarde herdaram os clichês dos shows dominicais, com o sensacionalismo barato em busca da audiência, então vale para os dois.

Replay

Para começar, em todos os programas de domingo vai se apresentar aquele cantor famoso que está fazendo sucesso atualmente. E adivinha o que vai acontecer? Ele vai cantar o seu maior sucesso, obviamente, aquela música que você ouve durante toda a semana, seja na marra ou por vontade própria mesmo.

No mesmo programa provavelmente terá uma entrevista, onde ele vai contar fatos sobre sua carreira (coisas que você já sabia, porque havia passado no programa do domingo passado no canal concorrente) e talvez participar de alguns quadros da atração (que citarei abaixo).

Se não for o cantor (ou cantora) do momento, talvez apareça algum artista que fez sucesso no passado que receberá mil e uma homenagens pela sua carreira. Nesse caso, não há nada para se surpreender: sua presença será igual a suas milésimas aparições na TV e provavelmente sua tia vai sair cantando alguma das músicas dele (a) durante a apresentação.

Ah, e sem esquecer das dancinhas, é claro! Afinal o artista deve ensinar a coreografia das músicas para o apresentador ou para a plateia!

Qual é a frase?

Quem quer ganhar dinheiro?

O que seria dos programas dominicais sem os games shows? Possivelmente é um enlatado da TV estrangeira adaptada para o nosso bom Brasil (porque parece que até nisso falta criatividade tupiniquim!).

Famosos ou anônimos participarão com direito a prêmios e você ficará com vontade de participar porque acertará todas as questões do game e xingará quando os participantes errarem perguntas bobas. Esse é o melhor entretenimento de domingo, concorda? Não?

Guenta Coração!

Lembra do artista convidado? Talvez ele seja o alvo das homenagens que todo programa dominical tem. Entra um vídeo com familiares contando histórias e o artista chora no palco, relembrando o que aconteceu na sua vida até chegar ali, acompanhado, é claro, daquela trilha sonora emocionante enquanto você assiste hipnotizado bebendo aquele refrigerante de limão.

Seria uma ideia criativa se você já não soubesse praticamente tudo sobre esse artista através de sites ou outros programas de TV que adoram abordar o mesmo assunto sempre!

Me ajuda aí!

Se não tiver nenhum quadro de assistencialismo num programa de domingo, pode tirar do ar! O público precisa ver histórias de superação e de ajuda humanitária no domingo a tarde.

Eles são de vários tipos: parentes perdidos que são procurados pela produção. É contada uma história comovente e o programa faz um suspense através dos longos intervalos comerciais enquanto a pessoa da família que está procurando chora no palco com as pistas falsas e é consolado pelo apresentador (a).

Spoiler alert: sempre há um final feliz e os dois se reencontram no palco com direito a muita choradeira e abraços. E você ficará com a sensação de ter perdido um tempo precioso do seu domingo para descobrir isso.

Felizmente (ou não) os outros tipos de assistencialismo são mais recompensadores, como aqueles que a produção arruma a casa de alguém ou (risos) a cara de alguém! Aí sempre rola aquela expectativa para chegar ao final e se você suportar a enrolação do programa é possível que se surpreenda com o resultado (mas convenhamos que é muito melhor trocar de canal no meio da enrolação e voltar só na revelação!).

A plateia animada é a alma do programa!

Humor Pastelão

Por fim, mas não menos importante, não pode faltar aquela dose de humor pastelão e sem graça que só é reservado para os programas de domingo. Desde pegadinhas a personagens extremamente caricaturados munidos com piadas velhas.

Haja paciência!

Se identificou com os programas de domingo? Tem mais clichês para acrescentar? Diga a sua opinião abaixo nos comentários e não se esqueça de acompanhar o Bolha Criativa para mais séries como esta.

Compartilhe por aí!
error